A(S) BLACK FRIDAY('S) EM 11 PRINCÍPIOS

Ai Black Friday… Cada vez que oiço este termo sinto sempre o mesmo. Medo! À semelhança de outros, este é mais um conceito importado cuja única finalidade não é fazer-nos poupar, mas sim gastar e que me faz franzir (e muito) o sobrolho. 

Esta Black Friday, que acontece já amanhã, e que, na maioria das lojas, se prolonga durante o fim-de-semana, naquilo que se intitula Black Weekend, nada mais é do que um apelo gigantesco ao consumo com a agravante de acontecer numa época já considerada de Natal. Uma vez que muitas das marcas já começaram, ou vão começar hoje, com o “Early Black Friday”, deixo um conjunto de sugestões para ajudarem a controlar os danos:

→ Saber realmente aquilo que é necessário e que está em falta no nosso armário

→ Fazer um orçamento (pelo menos mental) daquilo que é possível gastar

→ Ter atenção aos tamanhos e não comprar apenas porque a peça está em redução

→ Ter também (muita) atenção à etiqueta e os preços que vamos (mesmo) pagar

→ Verificar se são os correctos e se a peça está etiquetada com esse mesmo valor

→ “Despachar” já alguns presentes de natal, já que a maioria das lojas permite trocas até ao final de Janeiro

→ Se possível, ver antecipadamente os produtos que queremos comprar, (online, por exemplo) até porque assim será muito mais fácil não comprar por impulso

→ Nestes dias, considerados caóticos, é sempre boa ideia realizar visitas cirúrgicas ou de médico (daí fazer o item anterior) e fora de horas. Ou seja, ou de manhã logo ou já perto da hora de fecho das lojas

→ Ir com roupa confortável. Este é um ponto que refiro muito nos meus processos de Consultoria de Imagem, sobretudo na fase de Personal Shopping. Há que lembrar que vamos estar em pé, andar e sobretudo vestir e despir. Portanto peças rápidas e que simplifiquem este processo são mesmo uma questão de bom senso

→ Ter atenção à política de devolução ou troca de cada loja e guardar (sempre!) os talões, pelo menos até ao dia de vestir a peça, para o caso de alguma eventualidade.

 → No meio de tudo isto, não esquecer a paciência (em casa) e respirar ;)! 

 Imagem retirada daqui.

CONVERSATION

0 comentários:

Enviar um comentário

Back
to top