ERROS FATAIS DE IMAGEM #2

Esta é daquelas imagens que, na minha opinião, dispensavam qualquer tipo de comentário, mas e como a realidade me tem vindo a mostrar, já há alguns anos, que esta é uma visão (infelizmente) muito comum, perece-me adequado dizer que para além de (muito) feio é um enorme erro de imagem. 

Ao contrário da maior parte das invenções, que ficam célebres e conhecidas, esta é uma daquelas que deve permanecer silenciosa ou neste caso não visível. É verdade que os “pezinhos”, como são vulgarmente conhecidos, são óptimos para usar entre estações, quando já não apetecem ou justificam meias, mas têm uma grande particularidade que é: Não são para serem vistos. Não sei de quem é a autoria, mas decerto que não procurava reconhecimento pelas ruas. Usáveis por ambos os sexos e idades, a verdade é que independentemente de qual seja já vi e revi imagens como esta vezes sem conta. Neste caso, em particular, estava na fila de uma conhecida loja e naturalmente reparei na pessoa que estava à minha frente. Elegante, bonita, bem vestida (na minha opinião, claro), cabelo impecável, imagem irrepreensível portanto, até que… de repente “chego aos seus pés” e pronto lá suspirei um “não posso acreditar”. Bem sei que às vezes são maiores que os sapatos onde os queremos meter, mas não são os sapatos que têm de se adaptar aos “pezinhos”, mas sim o contrário! Pois caso contrário dá o tal ar “quero lá saber”. Mais um dos inúmeros “pequenos grandes pormenores” que, para mim, deitam por água abaixo a melhor das imagens (como foi aqui o caso).


CONVERSATION

0 comentários:

Enviar um comentário

Back
to top