Faça Yoga!

"Como a própria palavra o indica, o Yoga vem da raiz sânscrita yuj, cujo significado é junção, união. Perspectivando este conceito para nós próprios, podemos encarar o Yoga de uma forma holística, trabalhando todos os níveis do ser: Físico, Psíquico, Emocional, Ambiental e Espiritual."

Benefícios Físicos do Yoga: O Yoga ajuda-nos a ter uma maior flexibilidade, força e tonificação muscular. Para além disso, ajuda-nos também a respirar melhor (sabia que a maior parte de nós não respira correctamente, e que a respiração ajuda a controlar o sistema nervoso?) e actua na prevenção de dores (nomeadamente nas costas).

Benefícios para a nossa Mente: Talvez o benefício mais famoso do Yoga para quem não conhece nada desta forma de arte, seja a redução do stress. Pessoalmente, posso dizer que (só) durante uma aula de Yoga é que consigo afastar o meu pensamento de tudo o que sejam problemas. Este afastamento (que tanto nos faz falta) faz com que consiga "recarregar as minhas baterias" de uma forma quase mágica. A sensação no fim de cada aula é mesmo muito boa.

Para além de reduzir o stress, o Yoga ajuda também na redução da ansiedade. São cada vez mais as pessoas que vivem com extrema ansiedade, que pode levar mais cedo ou mais tarde, a problemas graves de saúde. O Yoga tem determinados exercícios, que são fisicamente intensos, mas que acalmam a mente, dado que é necessário concentrar-se naquilo que o seu corpo está a fazer num determinado momento da prática.

Por último, a pratica de Yoga com regularidade provoca uma relação mente/corpo como nunca experimentou antes. Esta comunhão nasce dos movimentos lentos e controlados que a sua mente necessita de ordenar ao corpo, e que este necessita de fazer, de forma a satisfazer essa necessidade.

O resultado? Vai sentir-se mais confortável dentro do próprio corpo o que traz uma melhoria da postura e um aumento da sua autoconfiança.

Por último, gostaria de agradecer à minha Professora, por tudo aquilo que aprendi até agora. (Namasté Estela).

Poderá conhecê-la aqui:

CONVERSATION

0 comentários:

Publicar um comentário

Back
to top